Granopar | Corretora de Mercadorias
Assine a nossa newsletter

 
 
Notícias


CARNE BOVINA: Receita bruta do Minerva cresce 6% no 1o trimestre de 2019
Publicado em 15/05/2019 | 10h58

Porto Alegre, 15 de maio de 2019 - A Minerva Foods, líder em
exportação de carne bovina in natura e seus derivados na América do Sul e que
atua também no segmento de processados, apresenta ao mercado os resultados
financeiros referentes ao primeiro trimestre de 2019 (1T19). Entre os destaques,
a Companhia atingiu receita bruta de R$ 3.975,3 milhões, representando
elevação de 6% em relação ao 1T18. As exportações alcançaram 61% de sua
receita bruta, consolidando a Minerva na posição de líder exportadora de
carne bovina na América do Sul, com 20% de participação de mercado na
região.

Dentro do total receita bruta da Companhia neste 1T19, a Divisão
Indústria Brasil foi responsável por 44% (R$ 1,8 bilhão); a Divisão Athena
Foods, que concentra a operação das plantas da Argentina, Uruguai, Paraguai e
Colômbia, além da distribuição no Chile, Paraguai, Colômbia e Argentina,
contribuiu com 39% (R$ 1,5 bilhão); e a Divisão Trading concentrou os 17%
restantes (R$ 675,8 milhões). Nos últimos doze meses encerrados em março, a
receita bruta da Companhia totalizou R$ 17,5 bilhões.

Já a receita líquida apresentou elevação de 5,6% no 1T19, em
comparação com o mesmo período do ano anterior, alcançando R$ 3.727,6
milhões. O EBITDA ajustado do 1T19 atingiu R$ 328,8 milhões, 15% acima do
EBITDA do 1T18, com a margem EBITDA de 8,8% no trimestre, 70% superior à margem
do 1T18. No LTM1T19, o EBITDA totalizou R$ 1,6 bilhão, com margem EBITDA de
9,7%.

Pelo quinto trimestre consecutivo, o fluxo de caixa livre foi positivo,
após despesas financeiras, Capex e capital de giro, totalizando R$ 42,4
milhões no 1T19, que, no acúmulo dos últimos 12 meses, representa R$ 743,4
milhões. A alavancagem financeira, medida pelo múltiplo dívida
líquida/EBITDA dos últimos 12 meses, foi de 3,8 vezes, considerada estável em
relação ao 4T18.

O resultado líquido ajustado foi de R$ 22,1 milhões no 1T19, excluindo os
efeitos não-caixa, como apuração do imposto de renda e contribuição social
sobre o lucro líquido (CSLL), bem como itens não recorrentes, como o impacto
da variação cambial e do hedge cambial.

Entre outros destaques da Companhia, houve a conclusão da recompra do
saldo remanescente de US$75 milhões dos bonds perpétuos, em abril de 2019, e
que será reconhecido no 2T19.

Mercado

As perspectivas positivas para os exportadores de carne bovina da América
do Sul, em 2019, decorrentes do desequilíbrio entre a oferta mundial e a
crescente demanda internacional, seguem propiciando oportunidades aos produtores
da região, considerando que o continente sul-americano é responsável por
cerca de 35% da exportação mundial de carne bovina, dos quais a Minerva
concentrou, aproximadamente, 20% desse volume no 1T19.

"Seguimos confiantes em nosso modelo de negócio, buscando maximizar as
oportunidades de mercado", afirma o Presidente da Minerva Foods, Fernando
Galletti de Queiroz, diante do cenário favorável, que considera as
perspectivas de aumento da demanda por carne bovina, em razão do surto de febre
suína africana, na China e em parte da Ásia, e da expectativa de acesso a
novos mercados, como a retomada dos Estados Unidos para a carne brasileira e a
abertura do mercado da Indonésia para a América do Sul. As informações
partem da assessoria de imprensa do Minerva Foods.

Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2019 - Grupo CMA

 
 
 
 
Sobre nós
 
História
Missão
Serviços
Equipe
FAQ
Fique por dentro
 
Notícias
Eventos
Links
Contato
Política de Privacidade
Onde estamos
 
Rua Brasilino Moura, 92
Ahú - Curitiba - PR
Fone: (41) 2169-3000
granopar@granopar.com.br
 
     
  Exoneração de Responsabilidades Granopar | Corretora de Mercadorias - Todos os direitos reservados ©