Granopar | Corretora de Mercadorias
Assine a nossa newsletter

 
 
Notícias


CHINA: Coronavírus se espalha e mais cidades são colocadas em quarentena
Publicado em 24/01/2020 | 12h59

São Paulo, 24 de janeiro de 2020 - A contagem de mortes e infecções pela
disseminação do novo coronavírus da China cresceu, ampliando ainda mais os
recursos hospitalares, enquanto autoridades fecham partes da Grande Muralha,
cancelam eventos do Ano Novo Lunar e colocam mais cidades em quarentena perto do
centro do surto. As informações são da agência de notícias "Dow Jones".

O número de infecções aumentou para pelo menos 881 casos confirmados,
disse a emissora de televisão estatal China Central, acrescentando mais de 300
novos casos à contagem oficial do dia anterior. A contagem oficial de mortes
aumentou para 26.

Singapura afirmou ter dois novos casos confirmados de coronavírus,
elevando o número total para três. Todos são residentes de Wuhan, a cidade
chinesa central onde o surto se originou em dezembro em um mercado de frutos do
mar e carne. Os residentes de Wuhan estavam em visita a Singapura durante o
feriado de Ano Novo Lunar de uma semana. No geral, as autoridades de Cingapura
identificaram 28 casos suspeitos do coronavírus; todos, exceto dois, haviam
viajado recentemente para a China.

O Ministério da Saúde de Singapura disse que acredita que mais casos
importados da doença se tornarão aparente, dado o alto volume de viajantes
estrangeiros chegando lá. Tailândia, outro destino popular para turistas
chineses, também possui três casos confirmados.

O coronavírus já se espalhou para vários outros países, incluindo
Coreia do Sul, Japão e os Estados Unidos. Hong Kong e Macau, regiões especiais
da China, confirmaram dois casos. Vietnã relatou seus dois primeiros casos na
noite de quinta-feira, de acordo com o ministério de Saúde do país.

Em resposta à rápida propagação da doença, as autoridades chinesas
interromperam o transporte de várias cidades da província de Hubei, onde a
maioria dos casos foi identificada. Na manhã de quinta-feira, autoridades
locais colocaram em quarentena Wuhan, a capital da província e principal centro
de transporte que abriga 11 milhões de pessoas. Os vôos e trens de saída
foram cancelados e as estradas que saem da cidade foram bloqueadas.

Em um dia, pelo menos dez outras cidades de Hubei disseram que também
suspenderiam o transporte, de acordo com o jornal principal do Partido
Comunista, "Peoples Daily". Várias outras cidades impuseram restrições à
circulação de pessoas, incluindo Jingzhou - uma cidade de 6,6 milhões
pessoas - que proibiu a saída de ônibus, carros e balsas. Com informações da
Agência CMA.

Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 - Grupo CMA

 
 
 
 
Sobre nós
 
História
Missão
Serviços
Equipe
FAQ
Fique por dentro
 
Notícias
Eventos
Links
Contato
Política de Privacidade
Onde estamos
 
Rua Brasilino Moura, 92
Ahú - Curitiba - PR
Fone: (41) 2169-3000
granopar@granopar.com.br
 
     
  Exoneração de Responsabilidades Granopar | Corretora de Mercadorias - Todos os direitos reservados ©